Publicado em: 21 de abril de 2020

Pandemia gera 9 mil denúncias de irregularidades trabalhistas

O Ministério Público do Trabalho (MPT), recebeu 9.077 denúncias de violações trabalhistas relacionadas à disseminação do novo coronavírus desde o início da pandemia, segundo o levantamento divulgado pelo órgão.

Foram abertos 1.747 inquéritos em todo o país. O número representa um aumento de 32% em relação à semana passada, quando haviam sido abertos 1.322 inquéritos civis. As principais reclamações são:

  • Falta de proteção à saúde e à segurança do trabalhador;
  • Demissões em massa;
  • Fraudes em rescisões contratuais.

O órgão trabalhista emitiu ao menos 6.163 recomendações para conscientizar diversos setores econômicos sobre as medidas a serem adotadas durante a pandemia.

Fonte: Direto da Redação com informações do MPT

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *