Publicado em: 11 de janeiro de 2019

Mortes por câncer nos EUA caem 27% ao longo de 25 anos

Os números de morte por câncer nos Estados Unidos acabam de alcançar uma marca histórica: estão há 25 anos em queda consistente, segundo novo relatório divulgado na tarde dessa sexta-feira (10). De acordo com especialistas, a redução do tabagismo e os avanços em diagnóstico e prevenção são os maiores motivos do resultado.

O Brasil ainda está longe de incorporar a tendência positiva – que se repete também entre países europeus. Por aqui, os índices de mortalidade por câncer aumentam desde 1979, quando o Instituto Nacional do Câncer (Inca) passou a registrar os dados anualmente.

A taxa de letalidade por câncer nos EUA crescia anualmente até o início dos anos 1990. Desde então, começou a cair. De 1991 a 2016, a queda registrada foi de 27%. A principal razão para esta queda é o recuo nos casos fatais de câncer de pulmão.

A mesma tendência foi observada nos Estados Unidos para o câncer de próstata, cuja mortalidade caiu 51% entre 1993 e 2016. Entre as mulheres, houve queda na mortalidade pelo câncer de mama – que registrou queda de letalidade de 41% de 1989 a 2016.

“No Brasil, a nossa letalidade não para de crescer”, afirmou o presidente da Sociedade Brasileira de Oncologia Clínica, Sérgio Simon. “Para isso acontecer, é preciso ter rastreamento e detecção precoce dos tumores. Nosso rastreamento é muito pobre.”

Fonte: R7

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *